Agrupamento de Escolas de Albergaria-A-Velha

Concurso nacional “Ciência na Escola – Prémio Fundação Ilídio Pinho”

Administrador /

Entre 1200 candidaturas nacionais a concurso nacional, o projeto "Semente e a Criança a Crescer", dinamizado no Jardim de Infância do Sobreiro, foi um dos 100 melhores projetos a nível nacional, acabando por receber um dos oito prémios destinados ao seu escalão: uma muito prestigiante menção honrosa. O prémio foi  entregue por sua  excelência o Presidente da República e pelo Comendador Ilídio Pinho na cerimónia Mostra Final dos projetos que se realizou no Convento São Francisco em Coimbra.
O projeto “Semente e a Criança a Crescer “consiste na exploração de vários domínios temáticos, como a história e as tradições culturais associadas à feitoria do pão, a diversidade dos cereais, das suas farinhas (diferentes aspetos e texturas) e aplicações culinárias, e o crescimento e desenvolvimento de cereais, como abordagem à Biologia Vegetal. Promove a criação de ambientes de aprendizagens relacionadas com  três áreas:  desenvolvimento  pessoal e social, expressão e comunicação e conhecimento do mundo recorrendo ao estudo das ciências da natureza, promovendo a literacia científica nos mais novos. Este projeto foi desenvolvido com as crianças do jardim de infância do Sobreiro (pertencente ao Agrupamento de Escolas de Albergaria-a-Velha). Sob a coordenação do prof. Edgar Borges, as crianças, orientadas pela educadora Eugénia Martins, dinamizaram uma série de atividades, que culminaram com a criação do Kit pedagógico sobre a fermentação.
Este projeto contou ainda com a supervisão científica da doutora Ana Catarina Gomes (CEO do Centro Neurociências e Biologia Celular da Universidade de Coimbra) na adaptação da linguagem científica às crianças e adultos (sem literacia científica) para a compreensão dos processos de fermentação das leveduras.
Durante dois dias, no Convento São Francisco em Coimbra, o projeto esteve exposto num stand que foi visitado por inúmeras figuras públicas, nomeadamente o Presidente da República, o Ministro da Educação, o Secretário de Estado da Indústria, os Delegados das Direções Regionais dos Estabelecimentos Escolares, autarcas, embaixadores dos PALOP. Todos felicitaram os alunos e os dinamizadores do projeto pelo produto que conseguiram criar num tão curto espaço de tempo.
O stand contou igualmente com a visita do Sr. Diretor do Agrupamento de Escolas de Albergaria-a- Velha, professor Albérico Vieira, do Sr. Presidente da Câmara Municipal de Albergaria-a-Velha, António Loureiro, e da Sra. Vereadora da Educação, professora Catarina Mendes que, como sempre, nos apoiaram e contribuíram para o sucesso do projeto.
O projeto foi igualmente valorizado e elogiado pela sua portabilidade e possibilidade de reprodução em outros contextos, tendo várias escolas mostrado interesse em implementar esta metodologia nas respetivas instituições.
Graças ao prémio recebido poderá ser possível alargar o projeto a outros jardins de infância do concelho e mesmo fora do concelho. Na verdade, existe já um protocolo com uma instituição de solidariedade social de Oliveira de Azeméis, Centro Social de Carregosa – Oliveira de Azeméis, para a sua implementação no próximo ano letivo.
O valor do prémio foi de 1500€: 750€ atribuídos diretamente à escola, destinados a apoiar a prossecução das atividades do projeto premiado na fase pós-concurso; 375€ destinam-se ao professor coordenador, que irá adquirir um robot de aprendizagem e doá-lo ao Jardim de Infância do Sobreiro, os restantes 25% destinam-se aos alunos envolvidos no projeto.